A luta entre a vida e a morte

Se a imprensa brasileira tratou timidamente a decisão do presidente Lula de quebrar a patente do Efavirenz, até mesmo com um certo apoio envergonhado ao laboratório norte-americano, o mesmo não aconteceu com a imprensa internacional.

O jornal espanhol El País publicou hoje um editorial, intitulado “Revolução antisida” (aids em castelhado), dizendo que a decisão do governo brasileiro foi “um passo de enorme importância que terá, com certeza, grande repercussão”. O jornal espanhol lembra que mais de 20 mil pessoas morrem diariamente no mundo de aids, malária e tuberculose por não terem acesso aos tratamentos disponíveis para essas doenças.

Já a nossa Folha de São Paulo publica uma entrevista com o diretor da Câmara de Comércio dos Estados Unidos, Mark Smith, intitulada “Brasil se igualou à junta militar da Tailândia”, onde ele critica a decisão do governo brasileiro e diz que o Brasil pode sofrer retaliações do governo norte-americano, com a sua retirada do Sistema Geral de Preferências, programa de benefícios fiscais pelo qual o país exporta US$ 3,5 bilhões anualmente para os EUA.

É a luta entre a vida e a morte. E, ao que parece, a imprensa brasileira já escolheu o lado que vai defender. Infelizmente.
enviada por Zé Dirceu

Obs. A imprensa golpista nunca está ao lado do povo brasileiro, é sempre o capital, os interesses internacionais, o lucro, se sobrepondo ao bem estar da população brasileira, muito triste.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: