Centrais e empresários negociam protocolo para desenvolvimento da construção civil

Representantes das centrais sindicais e da Câmara Brasileira das Indústrias da Construção (CBIC) voltam a se reunir no próximo dia 21, em Brasília, para definir uma agenda de fortalecimento do setor, vitaminado pelo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

O objetivo do protocolo de intenções a ser assinado é fazer com que o resultado positivo alcançado pelo setor em 2006 – cujo crescimento foi superior a 8% -, projetado pelos dirigentes empresariais para mais de 12% este ano, tenha contrapartida na melhoria das condições de vida e trabalho dos operários.

De acordo com Waldemar Pires de Oliveira, presidente da da Confederação Nacional dos Sindicatos de Trabalhadores nas Indústrias da Construção Civil (Conticom/CUT), entre os temas em destaque no protocolo encontram-se o combate à informalidade, que hoje atinge mais de 70% da categoria; a formação profissional, com qualificação da mão-de-obra; a saúde e a segurança, com o fortalecimento e o aprimoramento de ações do Comitê Permanente Nacional sobre condições de meio ambiente na indústria da construção (CPN) e dos comitês regional (CPR). Também estão em pauta a redução da carga tributária, com a cobrança sobre o faturamento e não sobre a folha de pagamento, estimulando a produção e a empregabilidade.

Hora do Povo
Obs. Tenho dito que a carga tributária principalmente para as médias e pequenas empresas é muito alta a cobrança tem que incidir sobre o faturamento e não sobre a folha de pagamento é mais justo e fomenta o emprego.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: