Vargas denuncia ação de suíço contra controle do espaço aéreo

p2-vargas.jpg

Deputado André Vargas entrega à CPI cópias de e-mails enviados pelo suíço Christoph Gilsen aos cabeças da insubordinação dos controladores

O deputado André Vargas (PT-PR) denunciou a ingerência do suíço Christoph Gilsen, presidente da Federação Internacional de Controladores de Tráfego Aéreo (Ifataca), que através de e-mails insuflava o motim dos controladores de vôos, “atacando a imagem do Brasil, interferindo em assuntos internos do país, a partir de uma ação planejada com o objetivo deliberado de criar um ambiente de pânico e insegurança na opinião pública e desmoralizar o sistema de tráfego aéreo e a segurança de tráfego aéreo no Brasil”. “É inadmissível e tem que ser apurado”, afirmou Vargas.

Descrevendo as cópias de e-mails, recebidas em seu gabinete, de forma anônima, enviadas pelo suíço Gilgen e um controlador lusitano a um grupo de controladores brasileiros, o deputado André Vargas relata, em entrevista ao jornalista Paulo Henrique Amorim, que “eles dizem coisas como elogiando a luta dos colegas, dizendo que eles estão lamentando a falta de ‘retorno e de garra de vocês’, dos controladores do Brasil, ‘mas, mesmo assim, eu preciso pedir para vocês’, diz o suíço, ‘façam mais, mais, sobretudo mantenham a pressão, mantenham a proa e não deixem mais sair o peixe da rede, seria bem lamentável, após ter lutado tanto e ter feito 80% do trabalho, então, mantenham a proa e forneçam as coisas que pedimos aqui’, ou seja, informações, ‘para falar com a imprensa brasileira’, ou seja, eles falam assim aquilo que eles combinaram por e-mail, falam aqui no Brasil que está articulado o conteúdo que os controladores militares, hoje presos, estão combinando com eles”.

Já o controlador português diz em um dos e-mails: “tenham certeza de que tanto Chris, à maneira dele, e eu, à minha maneira, temos feito lobby onde é necessário. E tenho a certeza que está a dar os resultados que esperávamos…”.

As cópias dos e-mails foram apresentadas na CPI que trata da questão, e serão submetidas a análise. “Nós recebemos de forma anônima, no nosso gabinete, vários e-mails que foram trocados pelos controladores presos Moisés Almeida, Wellington Rodrigues e Carlos Trifilio com este controlador, com esse suíço, combinando estratégias de pressão sobre o sistema de tráfego aéreo, combinando estratégias de pressão de atuação em relação à mídia, conteúdos de entrevista e usando terminologias absolutamente inaceitáveis. Quer dizer, um suíço vem, ataca o nosso sistema, quer dizer, ataca o Brasil, a soberania nacional, a imagem do Brasil”, denunciou o deputado André Vargas.

FANTÁSTICO

Para Vargas, a imprensa deve ter cuidado “com aqueles que eles trazem como verdadeiras autoridades”. “Eles não são autoridades”, disse. “Um grande meio de comunicação, uma grande veículo de comunicação dá essa projeção é insegurança para os brasileiros, muito mais insegurança para aqueles que querem vir para o Brasil, quer dizer, de outros países, isso me parece que é inaceitável, é preciso chamar atenção para isso, que temos responsabilidade, centralidade para que resolvamos o problema e não criemos mais problemas, como tem acontecido”.

No domingo passado, o suíço Chistoph Gilsen teve espaço privilegiado no Fantástico, da TV Globo, para atacar o Brasil. No mesmo dia, foi entrevistado pela “Folha de São Paulo” para falar sobre a segurança do espaço aéreo brasileiro.

A Aeronáutica repudiou as declarações do sujeito (v.matéria ao lado) e afirmou: “causa estranheza que, no momento em que o Comando da Aeronáutica afasta controladores que buscavam desacreditar o Sistema de Controle do Espaço Aéreo Brasileiro, surja um representante da IFATCA para questionar a eficiência do software utilizado no Brasil”.

LUIZ ROCHA
Hora do Povo

Rizzolo: Mas eu já tinha dito no primeiro dia no meu humilde blogzinho que esse camarada o suíço Christoph Gilsen, presidente da Federação Internacional de Controladores de Tráfego Aéreo (Ifataca) é um grande conspirador a serviço da direita internacional em parceria com esse português que é meio atrapalhado, dizer que a mídia precisa tomar cuidado é uma certa inocência de Vargas, ora, está claro que eles forma buscar esse camarada lá fora porque a coisa aqui estava fervendo e não queriam comprometer ninguem dos amotinados, então, muito sabiamente, a mídia foi até lá fora e trouxe essa dupla ” maravilhosa ” dessa Federação , para ” darem uma força” no amotinamento e ” balançar ” a opiniaõ pública, agora a mídia ” tomar cuidado ” e dizer que não sabia é uma inocência hein Vargas!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: