Exército inicia no Pan teste de radar Saber M-60 com tecnologia 100% nacional

O Exército iniciou nos Jogos Pan-Americanos os testes do radar Saber M-60. Desenvolvido com tecnologia 100% nacional, o equipamento foi construído em parceria entre o Centro Tecnológico do Exército e a empresa OrbiSat, com recursos da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep). Com alcance de 60 Km de raio, o Saber (Sistema de Acompanhamento de Alvos Aéreos Baseado em Emissão de Radiofreqüência) é capaz identificar aeronaves em baixa altitude e sem transponder.

“O radar de defesa antiaérea difere de um radar de controle de espaço aéreo porque identifica as aeronaves não-cooperativas [aquelas usadas com o objetivo de não serem identificadas]. Ainda que a aeronave vôe em baixa altitude, para se tornar ‘invisível’, [o radar] é capaz de detectar”, afirmou o engenheiro do Exército tenente-coronel Roberto Castelo Branco Jorge. De acordo com ele, “versões futuras” do Saber M-60 poderão também ser utilizadas para o controle geral do espaço aéreo nacional.

Segundo ele, o Saber M-60 “é adequado para fazer vigilância em áreas mesmo de difícil acesso como a Amazônia. A faixa de frequência do radar resiste a boa parte das interferências que existem na Amazônia”.

A tecnologia desenvolvida no Brasil já despertou interesse de países da África e da América Latina: “O fato de o radar ter sido feito para as condições brasileiras, o torna mais apto para países semelhantes ao nosso. Diversos países estão aguardando os resultados desses primeiros exercícios com o equipamento”.

Além de identificar com exatidão aeronaves em baixa altitude, as informações são processadas por um software, também desenvolvido pela Orbisat e pelo Centro Tecnológico do Exército, e transmitidas, em tempo real, a um Centro de Operações de Artilharia Antiaérea do Sistema de Defesa Aeroespacial Brasileiro (SISDABRA).

Hora do Povo

Rizzolo: Não há o que os cientistas brasileiros quando lhes é proporcionado desenvolvimento, não saibam empreeder, está aí mais uma prova no desenvolvimento do Saber M-60, que foi desenvolvido com tecnologia 100% nacional, o equipamento foi construído em parceria entre o Centro Tecnológico do Exército e a empresa OrbiSat, com recursos da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep ) , esse radar foi desenvolvido para as condições brasileiras e já despertou interesse de países da África e da América Latina, precisamos instalar uma enorma quantidade de equipamentos como esse radar na nossa A,azônia , até porque as informações vindas dele, são transmitidas, em tempo real, a um Centro de Operações de Artilharia Antiaérea do Sistema de Defesa Aeroespacial Brasileiro (SISDABRA). Parabéns ao Centro Tecnológico do Exército e toda equipe !

Publicado em Política. 2 Comments »

2 Respostas to “Exército inicia no Pan teste de radar Saber M-60 com tecnologia 100% nacional”

  1. Diego Rodrigues Says:

    è otimo saber que o brasil construiu um radar de confiabilidade aerea e 100% nacional, agora basta tomar as providencias para que sua tecnologia não seja roubada como a indicios de sabotagem emm algumas areas do nosso pais.

  2. samuel Says:

    como saber se uma coisa e 60%


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: