Fidel Castro se torna colunista da revista ‘Caros Amigos’

O presidente licenciado de Cuba, Fidel Castro, é o mais novo colunista da Caros Amigos. Seu primeiro texto está publicado na edição deste partir deste mês da revista.

Assim como a publicação, a coluna será mensal e vai tratar de assuntos variados. No texto de estréia, Fidel comenta dos atletas cubanos que desertaram de Cuba durante os Jogos Pan-Americanos, realizados no Rio de Janeiro.

Segundo Thiago Domenici, secretário de Redação da revista, os textos – apesar de não serem escritos com exclusividade para a Caros Amigos – serão publicados com a autorização direta do presidente cubano.

“Fidel Castro sempre publica textos em vários jornais cubanos e também na internet. A partir de uma amiga nossa que está em Cuba, recebemos a autorização do próprio Fidel para que reproduzíssemos estes textos e ele passasse a ser nosso colunista”, explicou Domenici ao Portal Imprensa.

Ainda de acordo com o secretário, o presidente cubano conhece bem a revista. “Já entregamos a ele exemplares da Caros Amigos”, disse Domenici. “Ela não é uma publicação desconhecida em Cuba.”

Histórias da pátria

A partir desta quarta-feira (15), segundo o Granma, Fidel também começará a publicar “uma ampla e profunda reflexão” sobre “fatos muito importantes e decisivos” de Cuba. O interesse da iniciativa é que “fatos muito importante e decisivos da História da Pátria sejam conhecidos pelas novas gerações”, destacou o jornal cubano.

O texto se intitulará “O império e a ilha independente” e, dada a extensão das reflexões, será publicado por partes. “A pedido do autor será publicada uma pequena parte inicial em duas colunas da primeira página do Granma e do Juventud Rebelde, como porta-vozes do Partido e da Juventude e o resto em duas páginas interiores, nos dias 15, 16, 17 e possivelmente no 18″ de agosto”, informou o jornal.

A informação foi divulgada um dia depois de Fidel completar 81 anos. Na segunda-feira, o aniversário de Fidel foi comemorado com festas populares e mensagens de organizações de massa, assim como com a exibição de documentários e filmes que recordaram a vida política e a história pessoal do presidente.

Fidel passou por cirurgias no final de julho de 2006 para deter uma hemorragia intestinal – motivo pelo qual transferiu seu cargo ao irmão Raúl Castro, até então vice-presidente.

Site PC do B

Rizzolo: É interessante notar que quando deparamos com um discurso ou reflexão de Fidel Castro , ou qualquer manifestação de idéias vindas da ilha, as pessoas tem uma ” sindrome de resistência” , muito em função da mídia reacionária que nos joga e já jogou toneladas de difamações e injúrias em Fidel Castro, sendo chamado pela mídia golpista de ditador.

Essa visão de rechaçar uma outra idéia é típica daqueles que se dizem ” liberais” ” democratas ” ou ” amantes do mercado ” do lucro e da exploração humana, mas entendo ser interessante a análise do conteúdo do dircurso, aprendi a entender e me desvencilhar da impregnação da mídia , e compreender Fidel e seus pronunciamentos de conteúdo ético, moral, e acima de tudo com sentido de justiça em que se serve muito alem de uma postura de visão de mundo, mas uma visão de vida. Talvez isso que falte nos EUA, um presidente que dê valores a serem transmitidos principalmente aos jovens, ter um ideal na vida, ver e fazer saltar aos olhos a miséria e a injustiça social e indignar-se com ela , e finalizo com as palavras doces de Fidel “para que serve a vida sem idéias?, acaso nascem as idéias com um homem?, acaso morrem com este?”. Vale a pena ler as reflexões de Fidel.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: