Rússia ameaça responder contra presença de navios da Otan

MOSCOU – A Rússia irá responder a crescente presença de navios da Organização do Tratado de Atlântico Norte (Otan) no Mar Negro com calma e sem histeria, declarou nesta terça-feira, 2, o primeiro-ministro russo Vladimir Putin. Segundo um oficial do Ministério do Exterior, Andrei Nesterenko, há dois navios americanos, um espanhol, um alemão e outro polonês na região. Moscou já expressou várias vezes sua preocupação pela presença das embarcações.

As autoridades americanas alegam que seus navios – do Exército e da Guarda Costeira – trazem apenas ajuda humanitária para a Geórgia, cuja infra-estrutura foi duramente afetada depois do confronto com as tropas russas em agosto. Putin afirmou que a reação virá com “calma, sem nenhuma histeria”, de acordo com a agência russa Interfax. “Mas, claro, haverá uma resposta”, continuou.

Quando perguntado quais medidas a Rússia poderá tomar, o premiê respondeu: “Vocês verão”. Ele falou com repórteres durante uma visita ao Uzbequistão. Oficiais da Rússia acusam os Estados Unidos de enviarem armas para a Geórgia sob o disfarce de ajuda humanitária. Na semana passada, um alto general russo disse que a presença naval americana no Mar Negro é “diabólica.”

“Se estamos falando de ajuda humanitária, isso deveria ser enviado à vítima da agressão, isto é, para Ossétia do Sul”, declarou Putin. “Nós não entendemos o que os navios americanos estão fazendo na costa da Geórgia, mas isso é uma decisão dos nossos colegas americanos”. “A questão é por quê o auxílio está sendo enviado em navios equipados com os mais novos sistemas de foguetes”, questiona.
Agência Estado

Rizzolo: É sempre a mesma história dos navios equipados, é sempre a teoria conspiratória alegando que os EUA estão ” enviando armas”. Putin ainda está no tempo do ” envio das armas”, se os EUA tivessem um confronto com a Rússia, ou se “patrocinassem ” a Geórgia não enviariam via navios, ou em navios equipados com foguetes como adoram falar. Aliás aqui na América Latina os esquerdistas também implicam com os navios americanos de ajuda humanitária, na visão deles, se é humanitária deveriam vir de cor de rosa, apenas com religiosos.

Ora, os EUA são uma potência militar e uma potência militar tem que estar resguardada em qualquer ponto do planeta do ponto de vista bélico, ou seja, mesmo que estejam em missão humanitária, ninguém garante que os inimigos dos EUA que não são poucos os ataquem. Não é que os EUA usarão o navio como camuflagem para atacar. Isso é infantilidade, Russa, Chavista, Petista radicais ( porque também tem os petistas do bem, lights, são poucos mas existem). Agora, dêem espaço para a Rússia, para ver o que acontece, por isso apoio MacCain, mudei, e daí? Os Obanistas não gostaram, problema deles. Quero dormir tranquilo.

3 Respostas to “Rússia ameaça responder contra presença de navios da Otan”

  1. ezequiel Says:

    caro amigo rizollo,se a Rússia quiser enviar alguns navios com alta tecnologia de poder bélico alegando a missão de ¨ajuda humanitária¨para cuba, você acha que os USA iriam aceitar? então pronto, navios de guerra são para combate e não para a ajuda humanitária,pois sabemos que os USA, por interesse próprio,argumenta mentiras em cima de mentiras para alcançar seu objetivo,isso aconteceu no iraque,por um acaso você esqueceu?

  2. SIDO .CALIO Says:

    NA VERDADE OS AMERICANOS SAO PRETENCIOSOS E QUEREM SEMPRE POUSAR DE BONDOSOS.BOA PARTE DELES ESCONDEM OS MAIS TERRIVEIS INTERESSES.QUEREM PROIBIR OS OUTROSSEM PAIZES DE SE MODERNIZAR SEJA INDUSTRIALMENTE OU COM ARMAMENTOS.
    SENHORES TODOS NOS SOMOS LIVRES PARA REALIZAR E IMPLEMENTAR OS NOSSOS PROJETOS .PRECISAMOS DE AJUDA POIS ,SE NAO ACORDAMOS LOGOOS AMIGOS AMERICANOS TOMAN A NOSSA AMAZONIA E O NOSSO PRE-SAL.

  3. Geremias Costa Says:

    Caros colegas acho isso tudo um grande equivoco da parte de vocês. Pois não conseguem enchergar o cenário que se organiza no mundo atual, onde os EUA já não exercem tanto domínio sobre as econômias emergentes e se debatem como peixes afobados para não perder definitivamente esta condição (O que não é comum na tradicional e consolidada politica externa estadunidense).

    A questão já não é o que eles (EUA) ou a Russia vão ou não fazer, mas sim o que o Brasil fará.

    É chegada a hora da emancipação brasileira, de buscar novos aliados que estejam em seu nivel, porém em pleno avanço, como China e Russia, mas com a devida cautela, pois não pretendo propor um socialismo utópico como os Chavistas de plantão defendem.

    A Russia deve defender seus interesses no Mar Negro, assim como o Brasil deve defender seus interesses como a mais tradicional econõmia capitalista da América Latina, seja na Bolivia, no Equador, ou na Venezuela.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: