Economia brasileira cresce 1,8% no 3o tri, acima do esperado

RIO DE JANEIRO – A economia brasileira cresceu mais que o esperado no terceiro trimestre, período que antecedeu a piora da crise financeira global.

O Produto Interno Bruto (PIB) avançou 1,8 por cento no terceiro trimestre em relação ao segundo e 6,8 por cento ante igual período do ano passado, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta terça-feira.

Economistas consultados pela Reuters previam expansão de 1,2 por cento do Produto Interno Bruto (PIB) na leitura trimestral e alta de 5,6 por cento na comparação anual.

O consumo das famílias cresceu 2,8 por cento no terceiro trimestre ante o segundo. A formação bruta de capital fixo –uma medida dos investimentos– avançou 6,7 por cento.

A indústria cresceu 2,6 por cento sobre o segundo trimestre; o setor agropecuário expandiu-se 1,5 por cento e o setor de serviços teve alta de 1,4 por cento.

Agência Estado

Rizzolo: Não há dúvida que o Brasil vinha num ritmo de crescimento acelerado até setembro, período anterior ao agravamento da crise financeira mundial, que começou a impactar aqui em outubro. Resta saber como essa base de comparação mais alta vai influenciar as expectativas para o PIB do 4º trimestre deste ano e do 1º tri do ano que vem. Os dados ainda constam de uma época em que a economia brasileira vivia a possibilidade de uma ” marolinha”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: