Advogado sequestrado deixa cativeiro, mas morre de infarto

Um advogado sequestrado no mês passado deixou o cativeiro na Zona Oeste da capital paulista, na madrugada desta quarta-feira (13), mas morreu de infarto.

Ademar Michels, de 60 anos, pediu ajuda a um guarda noturno na Rua Diógenes Ribeiro de Lima, no Alto de Pinheiros. Eles dois ligaram para a Polícia Militar e ficaram aguardando a chegada de uma equipe. O advogado, no entanto, morreu de infarto antes de a polícia chegar. Segundo testemunhas, a PM demorou mais de 40 minutos para ir até o local. A corporação informou ao SPTV que vai investigar se houve atraso no atendimento.

O corpo da vítima foi liberado do Instituto Médico-Legal (IML) no final da manhã desta quarta. O advogado morava em Diadema, no ABC, e tinha sido sequestrado em 27 de abril, quando chegava para trabalhar no escritório e teve o carro cercado por criminosos.

A polícia investiga o sequestro, mas ainda não sabe se o advogado fugiu do cativeiro ou se foi libertado. Ademar Michels foi chefe de gabinete da Prefeitura de Diadema durante 10 anos. O enterro está marcado para as 17h no Cemitério Municipal de Diadema.
Globo

Rizzolo: Lamentável fato ocorrido com colega que deve ser investigado pela Polícia Judiciária. A violência no Brasil tornou-se algo sério e não se deve descartar jamais a possibilidade de se rever uma legislação penal mais rígida, quer do ponto de vista do Direito Material quanto do Processual. A sensação de impunidade gera o incentivo à criminalidade. Há de se ter coragem e discutir o assunto com profundidade e sem demagogia. Não estamos conseguindo exercer o contrôle dos atos delituosos no País.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: