Suécia investiga tráfico de armas para as FARC na Colômbia

BERLIM – O governo da Suécia investiga, junto do poder Executivo da Colômbia, o tráfico de armas produzidas no país europeu para as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (FARC), segundo informou nesta segunda-feira, 27, a emissora sueca Sveriges Radio.

“A Suécia está trabalhando conjuntamente com a Colômbia para investigar o caso”, afirmou o ministro sueco do Comércio, Jens Ericsson.

O Exército colombiano apreendeu recentemente em um dos acampamentos da guerrilha vários lança-foguetes produzidos na Suécia, de acordo com a revista britânica especializada em militarismo Jane’s. De acordo com a revista, as armas foram produzidas pela empresa Saab Bofors Dynamics e foram vendidas originariamente ao Exército da Venezuela.

O diretor geral do Órgão de Inspeção de Produtos Estratégicos sueco, encarregado de supervisionar as exportações de armas, Jan-Erik Lovgren, explicou à mesma rádio que a Suécia não exporta armas à Venezuela desde 2006.

O presidente colombiano, Álvaro Uribe, criticou no domingo os países que vendem armas por fornecer às FARC lança-foguetes de longo alcance. “Sabemos que os grupos terroristas adquiriram lança-foguetes nos mercados internacionais de armas. Elevamos nossa queixa por meio dos canais diplomáticos ante os respectivos países”, disse Uribe.

O presidente colombiano, que participava de uma cerimônia em homenagem às vítimas do conflito de Medellín, entretanto, não citou nenhum país como provedor de armas.
Agencia estado

Rizzolo: Adivinhem quem vendeu ou enviou o laça- foguetes às Farc? Quem poderia ser ? Os representantes da empresa Saab Bofors Dynamics em Estocolmo, afirmaram que é extremamente desagradável que isso tenha ocorrido, porém é algo que sai do seu controle: “Nosso cliente era o Exército da Venezuela. A Saab sempre atua cumprindo a legislação sueca e as leis internacionais para a venda de material de defesa”.

Se ficar comprovado o envolvimento direto da Venezuela a situação irá se complicar. Sem antecipar um julgamento, fica claro que o ” democrata” Chavez está por trás dessa história. A pergunta óbvia é como essas armas saíram dos quartéis da Venezuela para os acampamentos das Farc. E por aqui ainda existe aqueles esquerdistas que adoram essa relação de abraços e afagos entre Lula e os “democratas com pele de cordeiro” .

3 Respostas to “Suécia investiga tráfico de armas para as FARC na Colômbia”

  1. CELIO HOHN Says:

    A direita facista que está no poder na Colômbia, sempre foi envolvida com o tráfico de drogas, os paramilitares e com o assassinato de sindicalistas e políticos da oposição. Eles matam milhares de oposicionista por ano. Agora eles tentam envolver os governos de esquerda da América Latina como Venezuela, Equador, Nicarágua e outros, dizendo que eles tem relações com as FARC. Eles estão desesperados porque as FARC estão se fortalecendo todos os dias e por isso querem culpar os governos vizinhos para peqarem ajuda militar com os EUA. Aliás, o governo americano não tem vergonha e se envolve com um governo narco terrorista e facista como Alvaro Uribe. O povo da Colêmbia quer paz, quer progresso e para conseguer tal objetivo precisa derrotar os facistas e vendilhões da patria que estão no poder.

  2. CELIO HOHN Says:

    Já é hora do povo da Colômbia dizer não ao governo facista, corrupto e manipulador que está no poder. É preciso se juntar com as FARC e fazer uma grande frente patriotica e derrubar o governo de Alvaro Uribe para implantar um regime de paz e justiça social na Colômbia. O povo colombiano não merece o governo que tem. Este se alimentar com a guerra e corrupção. Quantas vezes as FARC já lhe propuseram fazer uma troca humanitária de prisioneiros dos dois lados, que seria o caminho para uma paz duradoura. Mas o governo não aceita. A guerra está sendo um grande negócio para os governantes da Colômbia.

  3. Eliseu Says:

    Normalmente le-se notícias, mas como não estou la para ver e sentir o que realmente esta acontecendo, imagino que se a Colombia realmente tivesse um lança foguetes, ja o teriam usado. (Ou usaram e eu ainda não fiquei sabendo ?) Se eu fosse o Luis Lula, a primeira providencia que eu ia tomar contra o narcotráfico seria instalar bases militares brasileiras em territórios onde o narcotráfico dizima populações. Colombia seria o primeiro alvo.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: