Serra lança 2ª bolsa na semana e nega assistencialismo

SÃO PAULO – Após lançar na segunda-feira uma bolsa de R$ 450 para estagiários, o governador de São Paulo, José Serra (PSDB), anunciou hoje que vai pagar por três meses auxílio de R$ 210 a desempregados que participarem do Programa Estadual de Qualificação Profissional. Para oferecer a bolsa desemprego, a secretaria do Emprego e Relações do Trabalho teve de reduzir o número de vagas do projeto previstas para este ano. Segundo o titular da pasta, Guilherme Afif Domingos, haveria 60 mil vagas em 2009, mas o número passou para 40,8 mil. A troca foi decidida em março por conta dos efeitos da crise financeira mundial nos índices de emprego do Estado.

O governador negou que a medida seja assistencialista e disse que qualquer crítica nesse sentido seria “beócia”, ou seja, simplória, ignorante. Durante o discurso, Serra disse já ter sido autor de programas de transferência de renda, mas destacou que “nada substitui o emprego”. Mesmo sem ser questionado, Afif fez questão de dizer, já em seu discurso, que não havia intenções eleitorais por trás da bolsa. “Aqui não se faz demagogia, nós trabalhamos.”

Em 2009, os investimentos no programa serão de R$ 100 milhões. O governo ainda não decidiu se mantém a concessão da bolsa desemprego em 2010, ano eleitoral. De acordo com Afif, será feito um estudo para avaliar a necessidade de continuação da medida. A previsão é de que sejam oferecidas, no próximo ano, 90 mil vagas.

As inscrições para o programa estadual de qualificação profissional podem ser feitas pelo site http://www.empregasaopaulo.sp.gov.br ou em Postos de Atendimento ao Trabalhador. Os cursos têm duração de três meses e são ministrados nas escolas do Centro Paula Souza, Senai Senac. Há qualificação nas áreas de vendas, administração, indústria, construção civil, telemarketing, limpeza, informática, entre outras. Podem participar desempregados que já estejam sem seguro-desemprego ou no final do período de recebimento do benefício. É preciso ter idade entre 30 e 59 anos.
agência estado

Rizzolo: Não esta a menor dúvida que o Bolsa Família, pela sua característica de inclusão social, no combate a fome, e na obrigatoriedade de uma contraprestação, é um excelente instrumento de cidadania. O Brasil é um país pobre e ainda necessitamos destes artifícios para que a população pobre tenha acesso a uma condição de vida digna.

A “Bolsa do Serra” inspirada nos moldes do governo federal, é também um instrumento de suma importância, e só não entendeu até agora o valor deste programas, quem não está preocupado com a população carente, e não quer enxergar a realidade brasileira.

É claro que ideal é o emprego, mas antes do emprego é necessário se alimentar, se profissionalizar, se preparar, e isso só se consegue com os meios e os programas de inclusão social. O governador Serra demonstra sem discurso e sem demagogia, que sempre admitiu a importância do Bolsa Família coisa que só os beócios ainda não entenderam

3 Respostas to “Serra lança 2ª bolsa na semana e nega assistencialismo”

  1. Eliseu Says:

    Eu costumo “copiar” e colar aqui alguns trechos dos comentários, mas.. este eu não vi a necessidade de se fazer isso, considerando que ao comentar, eu vou considerar todo o comentario e pergunto: Tudo isso ai apenas um ano antes das eleições? Todos os governos promovem muitas políticas assistencialistas um pouco antes das eleições, isso é fato.
    A minha cunhada, divorciada do meu irmão encontra-se numa situação de estar quase passando fome, ela tinha uma empresa de publicidade que foi desmembrada e proibida de funcionar graças a lei da cidade limpa do Kassab, que na realidade apenas tirou a comida da boca de milhares de pessoas para dar lugar a poluição visual das pichações. Eles governam apenas em proveito próprio. São tantas mazelas desses dois (Serra e Kassab) que eu não consigo nem manter uma coerencia no comment quando se trata deles. Aonde ja se viu gastar-se milhares de reais em campeonato de truco enquanto se passa na rua Aurora e ve-se crianças de cinco anos de idade fumando craque em plena luz do dia ? e a rua do Serra, que foi fechada pelo Kassab, apenas em proveito próprio? E ainda inventam de fechar a R Sta Efigenia, o maior polo eletronico do estado.

  2. Eliseu2009 Says:

    Como eu ja havia tocado no assunto no primeiro comentario que fiz, não tinha como “recortar” uma notícia que encontrei e “colar” aqui. Desculpe se eu estiver sendo audacioso Rizzolo, mas as pessoas precisam saber perceber e diferenciar o que é bom do que é discaradamente perverso.
    “Restrição a fretados será aceita como a Cidade Limpa, diz Kassab”
    O prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (DEM), comparou a restrição aos ônibus fretados com a Lei Cidade Limpa, dizendo que a nova medida também será aceita. Segundo Kassab, as duas medidas foram “num primeiro momento, muito duras”, mas, com o passar do tempo, foram assimiladas e as pessoas “entenderam como corretas”.
    Digo apenas duas coisas elementares: 1) Se ele (Kassab) tivesse feito uma boa coisa, não citaria nem relacionava a uma outra coisa feita discaradamente contra a opinião pública (dos afetados) 2) Para ele ficar cantando de galo que as pessoas “entenderam como corretas” é porque REALMENTE NÃO FORAM CORRETAS AS MEDIDAS.
    O que ele fez foi sair com a mulher do vizinho e depois convidou o vizinho para tomar uma cervejinha, embriagou-lhe e aproveitou sua embriaguez para dizer-lhe que era chifrudo. E depois ainda saiu com a filha virgem do casal.
    Este é o espelho de seu caráter.
    Isso é revoltoso. Aonde que isso é democracia? Só se for a
    demoniocracia.

  3. Nilta Sganzerla Says:

    Preciso URGENTE de uma bolsa de estudos para minha filha, 3o anista de medicina. Motivo doença e morte em família.
    Por favor ajudem-me.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: