Dieese: criação de vagas em SP foi recorde em outubro

SÃO PAULO – A região metropolitana de São Paulo registrou a criação de 162 mil novas vagas de emprego em outubro, na comparação com setembro, de acordo com a Pesquisa de Emprego e Desemprego (PED), divulgada hoje pela Fundação Sistema Estadual de Análise de Dados (Seade) e pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese). Este foi o melhor resultado para um mês de outubro desde que a PED começou a ser realizada na região, em 1985.

“O número é inédito e inesperado para esse período”, afirmou Alexandre Loloian, coordenador da equipe de análise da PED. Na comparação com o mesmo período do ano passado, houve crescimento de seis mil postos de trabalho. O nível de ocupação na região cresceu 1,8% em outubro, para 9,194 milhões de pessoas. Já a taxa de desemprego caiu para 13,2%, ante 14,1% em setembro.

Em termos proporcionais, a indústria foi o setor que mais criou empregos em outubro, de acordo com a PED. A ocupação na área aumentou 2,4% em outubro ante setembro, embora tenha registrado queda de 7,4% na comparação com o mesmo período do ano passado. “A indústria de São Paulo é muito voltada para a exportação”, explicou Loloian. E, segundo ele, a indústria metal-mecância (de máquinas e equipamentos) ainda não se recuperou totalmente da crise.

Comércio e serviços

O setor de comércio praticamente equiparou o nível de ocupação com 2008 ao registrar crescimento de 1,8% em outubro ante setembro. No setor de serviços, que mesmo durante a crise vinha mantendo o nível de emprego, o crescimento foi de 1,6%. O setor representa mais de 50% da força de trabalho da Região Metropolitana de São Paulo. Nos demais setores, a elevação foi de 1,9%.

O coordenador da PED chamou atenção para o fato de o número total de trabalhadores assalariados ter crescido 2,7%, devido ao aumento do setor privado (189 mil novas ocupações). Essa alta mais que compensou a redução de 24 mil empregos no setor público. “O número de bons empregos aumentou”, afirmou Loloian. O rendimento médio dos assalariados, no entanto, caiu 1,0% ante setembro.

Regiões

O recorde de empregos criados em outubro na Região Metropolitana de São Paulo também gerou um resultado histórico no conjunto das seis maiores regiões do País, que inclui ainda Belo Horizonte (MG), Salvador (BA), Porto Alegre (RS), Recife (PR) e Distrito Federal.

O emprego aumentou no conjunto das regiões com a criação de 225 mil novas vagas de trabalho, o melhor resultado da série histórica das seis regiões, iniciada em 1998. Por conta disso, a taxa de desemprego recuou para 13,7% em outubro, ante 14,4% em setembro. De acordo com Patrícia Lino Costa, economista do Dieese, a taxa de outubro é a menor do ano desde janeiro, quando esteve em 13,1%.
agência estado

Rizzolo: É um número excelente. Na verdade vários fatores contribuíram para esse dado, primeiramente a volta da confiança nos índices econômicos, a retomada nas exportações, e a proximidade do Natal. A confiança do empresariado na economia, faz a retomada das contratações, o que na realidade gera um ciclo virtuoso de maior consumo e renda. Medidas como isenção do IPI para alguns segmentos também contribuiu para um aumento indireto de criação de vagas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: