Coordenador de Dilma ataca Serra: “o candidato está muito confuso”

Coordenador da campanha da petista Dilma Rousseff, o assessor para Assuntos Internacionais do presidente Lula, Marco Aurélio Garcia, atacou nesta quarta-feira (28) o tucano José Serra e ironizou as recentes declarações do ex-governador de São Paulo, que admitiu, por exemplo, não ser responsável pela paternidade nem dos medicamentos genéricos nem do programa anti-Aids.

“É uma pessoa que em primeiro lugar tem filhos e depois diz que os filhos não são dele. É uma perigosa negação de paternidade”, ironizou o petista, que coordena as discussões sobre o programa de governo dilmista. “O candidato Serra está muito confuso, perplexo, porque em primeiro lugar ele queria ser pós-Lula. Não deu certo e ele agora está sendo anti-Lula. Já atacou a política externa. Não sei ao que vai dar continuidade. (Vai ser) continuidade daquilo que ele está demolindo?”, questionou.

Garcia, que coordenou uma nova rodada de debates sobre o programa de governo da candidata petista nesta terça, disse que o quesito continuidade do governo Lula, tema que ele acredita ser difícil para Serra defender, será a linha mestra da versão final do texto que o núcleo de campanha de Dilma encaminhará ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) no início de agosto. “A ideia que estamos trabalhando é um documento que tem uma parte introdutória, mostrando a coalizão importante que governa o País, que não é uma coalizão eleitoral. (Haverá) o resgate da herança positiva que a Dilma receberá”, explicou.
terra

Rizzolo: A missão da oposição não é fácil. Serra tentou colar na imagem de Lula pois de antemão já previa resistênciaa a um embate, depois como de nada adiantou, tornou-se oposição opaca. Bem faz alguns do PSDB, como o ex governador Alckmin, que não ataca ninguém e segue adiante ganhando oapoio, inclusive dos “DILMIN”; está certo ele, que no mínimo está dando o troco da indiferença de Serra com ele no passado. Para quem não sabe Dilmin significa aqueles que apoiam Dilma e Alckmin.

Fernando Rizzolo candidato a Dep.Federal fala de Sonhos e Esperanças.

Fernando Rizzolo 3318 candidato a Deputado Federal por SP. Divulgue este vídeo e ajude o Rizzolo a chegar lá !!

Publicado em últimas notícias, Brasil, cotidiano, economia, geral, News, notícias, Política, Principal. Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Leave a Comment »

Parlamento da Catalunha proíbe touradas

parlamento catalão aprovou nesta quarta-feira, com 68 votos a favor, 55 contra e nove abstenções, um decreto de proteção dos animais que implica na proibição das touradas na região, que fica no nordeste da Espanha. A lei entra em vigor a partir de 2012. Com a decisão, a Catalunha torna-se a segunda região espanhola a proibir a prática, depois das Ilhas Canárias, em 1991.

O projeto surgiu por meio de uma Iniciativa Legislativa Popular (ILP), apresentada em dezembro de 2009 por grupos de oposição às touradas. Simpatizantes e opositores estavam mobilizados desde terça-feira, aguardando uma votação que prometia ser acirrada. Esta virou uma questão política na região onde, segundo o jornal madrilenho El Mundo, “a ideia é extinguir tudo o que for espanhol”.

Nos últimos dias, o tema foi recorrente na imprensa conservadora do país, que via na possível proibição uma vontade de revanche dos políticos catalães, depois de uma recente decisão do Tribunal Constitucional que retirou certos aspectos do estatuto de autonomia da região.

Opositores das touradas, cada vez mais numerosos na Catalunha e apoiados por poderosas organizações internacionais de defesa dos animais, relembram que esta tradição está perdendo força na região, onde apenas a Praça Monumental de Barcelona continua a organizar eventos do tipo.

O setor gera cerca de 40 mil empregos e rende bilhões de euros por ano, mas desde 2009 vem sentindo os efeitos negativos da crise econômica.

Inúmeras regiões espanholas, inclusive Madri, anunciaram, assim que se iniciou o debate catalão, suas intenções de inscrever a tourada como “patrimônio cultural”, com o objetivo de proteger a tradição.
zero hora

Rizzolo: A humanidade só vai evoluir espiritualmente quando as atrocidades com os animais for banida da sociedade. Que prazer pode ter um ser humano ao olhar os olhos de um pobre animal apavorado por já saber que vai ser abatido apenas por sadismo e diversão dos humanos. Assim o mesmo ocorre com os rodeios no Brasil e no mundo. Esse tipo de maltrato aos animais, constitui forma de tristeza, gera uma péssima energia espiritual, e com certeza entristece e desrespeita a natureza, e como já dizia o filósofo Baruch Spinoza, entristecer a natureza equivale e entristecer a Deus. Sou um defensor dos animais, de uma alimentação vegetariana, e de tratarmos os seres vivos com respeito e amor. Só assim haverá quem sabe a redenção da humanidade. Parabéns a Catalunia.

Charge do S. Salvador para o Estado de Minas