Virus A (H1N1)-Exército vai ajudar a conter a nova gripe no Sul do país

Secretaria de Saúde diz que RS é ‘porta de entrada’ do vírus Influenza.
País soma 11 mortes no Rio de Janeiro, São Paulo e Rio Grande do Sul.

O Exército vai ajudar a controlar o avanço da nova gripe em cidades estratégicas de Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul. O plano de ação é atuar nos postos da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) em municípios estratégicos dos três estados. Nesta quinta-feira (16), a Secretaria de Saúde do Rio Grande do Sul informou que o estado é porta de entrada da doença no país.

Em nota, o Comando de Operações Terrestres, do Exército, diz que, em coordenação com os órgãos de saúde regionais, planejou o emprego de equipes para distribuição de material informativo e preenchimento de formulários de controle de viajantes.

A ação, que deve começar na segunda-feira (20), vai monitorar as pessoas que entrarem no Brasil por vias terrestres, nos postos de 31 cidades nos três estados, durante um prazo de 90 dias.

Surto de gripe

O Secretário Estadual de Saúde do Rio Grande do Sul, Osmar Terra, considera que há um surto da nova gripe no município de Vila Nova do Sul, na região central do estado. As informações foram divulgadas pela assessoria de imprensa na manhã desta sexta-feira (17).

De acordo com o diretor do Centro de Vigilância em Saúde (CVS) do estado, Francisco Paz, no mês de julho, 503 pessoas buscaram atendimento médico no município. Destes, 266 casos apresentavam sintomas de gripe.

“Foi feita uma análise amostral do material biológico destes pacientes. Dois resultados foram positivos para o vírus A (H1N1) para três amostras analisadas. O que podemos considerar é que houve um surto localizado da gripe neste município”, disse Paz.

O diretor do CVS afirmou que o município está atendendo a todos os casos suspeitos adequadamente e orientando a população sobre formas de evitar contaminação.

Demora de atendimento em SP

Quem procurou atendimento com sintomas de gripe no hospital Emílio Ribas, referência em infectologia em São Paulo, passou a madrugada desta sexta-feira esperando. Apesar de hospitais particulares reforçarem o atendimento para a nova gripe, muitos ainda recomendam os pacientes a procurar o Emílio Ribas, que acabou ficando sobrecarregado.

Mortes pelo país
Na quinta-feira (16), subiu para 11 o total de óbitos no país. Em um dia, foram confirmados sete casos em três estados – um no Rio, um em São Paulo e outros cinco no Rio Grande do Sul.

O secretário municipal de Saúde do Rio, Hans Dohmann, informou que a vítima morreu na segunda-feira (13). Ela deu entrada num PAM (posto público de atendimento de saúde) no dia 3 de julho, mas foi liberada. Cinco dias depois, ela foi internada num hospital particular. Seu quadro se agravou evoluindo para uma pneumonia.

Dohamn informou que a mulher adquiriu a doença no país, e não quis dar detalhes sobre a vítima e nem mesmo em quais hospitais ela esteve internada.

Cinco casos no Rio Grande do Sul

No Rio Grande do Sul, em um dia, foram confirmadas cinco mortes. Na manhã de quinta, a Prefeitura de Uruguaiana comunicou o óbito de um paciente com a mesma doença: um caminhoneiro de 35 anos que estava na Santa Casa da cidade. Ele teria sido contaminado na Argentina.

As secretárias de Saúde de Passo Fundo e Santa Maria confirmaram quatro mortes, durante a tarde. Em Passo Fundo, os dois pacientes são um comerciante de 42 anos e um garçom, de 30. Os dois tinham histórico de hipertensão, de acordo com o governo estadual. As mortes ocorreram nos dias 8 e 10 de julho.

Em Santa Maria, foram mais dois homens. Um era vigilante, tinha 26 anos e não apresentava problemas de saúde. O secretário de Saúde de Santa Maria, José Haidar Farrett, disse ao G1 que o outro era funcionário de hospital. O estado diz que era um operador de manutenção, de 36 anos, que tinha diabetes, hipertensão e cardiopatia. A prefeitura diz que os exames que confirmaram o diagnóstico, feitos pela Fiocruz, chegaram nesta quinta-feira.

Os locais de transmissão da doença, nos quatro últimos casos anunciados, estão sendo investigados.

Também durante a tarde, a Prefeitura de Osasco, na Grande São Paulo, informou a cidade registrou mais uma morte em decorrência da gripe A (H1N1): um jovem de 21 anos que fazia cursinho na capital paulista. Ele morreu no sábado (11), com um quadro de pneumonia.

Outros casos

A primeira vítima da doença no Brasil foi um caminhoneiro gaúcho de 29 anos, que faleceu em junho. Na última sexta-feira (10), foi confirmada a morte de uma menina moradora de Osasco, em São Paulo.

A terceira morte foi anunciada na segunda-feira (13): um menino de 9 anos, morador da cidade de Sapucaia do Sul (RS). Ele morreu em 5 de julho, em Porto Alegre, mas o resultado da análise laboratorial que confirma a contaminação só saiu na segunda-feira (13).

Em São Paulo, a segunda morte no estado foi confirmada na terça-feira (14). Trata-se de um homem de 28 anos, que passou a apresentar febre, dor de cabeça, náusea, vômito, tosse e congestão nasal em 1º de julho, no Hospital de Clínicas de Botucatu. Ele procurou o serviço médico no sábado, 4 de julho, quando foi internado. No dia 7, o quadro clínico se agravou e ele morreu três dias depois, na sexta-feira.
globo

Rizzolo: A questão da gripe suína é extremamente séria em se tratando de uma pandemia no Brasil. A população pobre e carente, já com sua saúde debilitada por problemas econômicos, pode sofrer mais os efeitos desta doença. Na verdade a ajuda do Exército Brasileiro vem ao encontro do anseio da povo, na contenção da transmissão da doença. Esta doença como já afirmei em outros textos, está diretamente ligada à ganância do ser humano, ao desrespeito à natureza e aos animais, e na incessante busca do lucro.

Como nos EUA o controle sanitário é mais rígido, abatedouros irresponsáveis formaram enormes fazendas no México com a finalidade de criarem milhões de porcos confinados, onde numa mistura de esterco, falta de higiene, maldade aos animais, ganância, e promiscuidade humana neste meio viral, fizeram com que a natureza constituísse um novo vírus num ambiente apropriado.

Cada vez mais, o ser humano precisa deixar de fazer do hábito de se alimentar, uma violência. No futuro, com certeza o número de vegetarianos, ou das pessoas que ingerem menos carne animal irá crescer. Temos que respeitar os animais, e sermos menos especistas, que é uma variação dos racistas, por entendermos que apenas pelo fato de sermos da espécie humana, temos a legitimidade para cometermos as atrocidades aos animais. Leia artigo meu. A Gripe Suína e a Humanidade.

Publicado em A gripe suína e Deus, A gripe suína em Osasco, A gripe suina no Rio Grande do Sul, aceitar Deus, aceitar os desígnios de Deus, Adolfo Lutz detecta diferença no virus, últimas notícias, Blog do Rizzolo, Brasil, comportamento, cotidiano, direito dos animais, Direitos Humanos, economia, Emilio Ribas e a gripe suína, espiritualidade, espiritualidade e medicina, espiritualidade maçônica, evangélicos, exército e a gripe suína, Exército vai ajudar a conter a nova gripe, falta de Deus predispõe à violência, Forças Armadas, General Augusto Heleno, geral, Gripe mexicana, gripe suína em São Paulo, gripe suína no Brasil, igrejas evangélicas, Influenza A/São Paulo/H1N1, melhores especialista médicos e melhores hospitais, menina morreu em 30 de junho em Osasco, News, notícias, O agronegócio, O objetivo é conter o avanço da gripe suína, Política, primeira morte em São Paulo, Principal, Religião e Reflexões Espirituais, Saúde, Sua Sáude, vírus A (H1N1), vegetarianismo, violência contra os animais. Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Leave a Comment »

Um sonho chamado Esperança

Certa noite, tive um sonho. Sonhei que o telefone de madrugada tocou; ao atender, um senhor com a voz calma e serena me pedia para que fossemos à Hope, pois algo havia ocorrido. Mais que depressa, chegamos à instituição. O guarda que costumeiramente se postava à porta não estava; na portaria não havia ninguém; o silêncio era total.

Desesperados, eu e Cláudia aumentamos os passos nos largos corredores da Hope à procura de alguém que nos informasse a razão do telefonema. Passamos pela monitora e não havia sequer um monitor; então, num gesto rápido e inquieto, subimos com a respiração ofegante, as escadas em direção à ala dos quartos, onde as crianças e os acompanhantes dormem. Para nossa surpresa, estava vazio: nenhuma criança, nenhum acompanhante, nenhum monitor. Apenas um doce silêncio rompia o frio vazio dos quartos.

De repente, uma luz brilhante no final do corredor surgiu. A mesma voz, calma e serena, do senhor do telefonema nos dizia: “Fiquem tranquilos, apenas houve um milagre por aqui. O Santo Bendito, num ato de misericórdia resolveu curar todas as crianças da Hope. Elas já partiram. Estão em suas cidades de origem e curadas. A casa está vazia, mas cheia de amor e misericórdia divina”.

Atônitos, sem reação, sentimos uma forte luz nos impulsionando para a saída da Instituição. Senti naquele momento uma imensa paz, o doce calor da luz divina nos acalentava; na saída, ao lado da porta, centenas de bilhetinhos das crianças alegres se despedindo.

Ao acordar, ainda sob um estado extasiante, contei à Cláudia meu sonho. Ela olhou bem nos meus olhos e disse: “Não se impressione, eu já tive este sonho várias vezes, sei que um dia ele vai se realizar, talvez por isso o lugarse chame “Casa Hope “; uma casa da esperança.

Tentei dormir novamente, mas, não consegui. Então, pensei comigo: “Por que os sonhos não se tornam realidade? E então algo interior, no tom daquela calma voz, novamente me disse:

“Ajudar e fazer a caridade é a melhor forma de sonhar acordado, é reacender a luz da esperança quando tudo se parece perdido”

Fernando Rizzolo

Tenha um sábado de paz!

Publicado em a lógica e a fé, a morte e Deus, aceitar Deus, aceitar os desígnios de Deus, Allan Kardec, alma, alma e o espírito, Artigos de Fernando Rizzolo, as tragédias e Deus, últimas notícias, Blog da Dilma, Blog do Rizzolo, budismo, Casa Hope, comportamento, Conheça o Site da Casa Hope, cotidiano, crianças com cancer se casam nos EUA, crianças da casa hope, cultura, Deus e você, Direitos Humanos, Edir Macedo, eleições 2010, espiritismo, espiritualidade, espiritualidade e medicina, espiritualidade maçônica, espiritualidade na crise, evangélicos, Falta de ética e de Deus, falta de Deus predispõe à violência, Federação Israelita do Estado de São Paulo, Fernando Rizzolo, Festa Literária Internacional de Paraty, geral, graac, igrejas evangélicas, Judaismo, Literatura, maçonaria, medicina, melhores especialista médicos e melhores hospitais, melhores hospitais, News, notícias, poesia, Política, Principal, RELIGIAO, Religião e Reflexões Espirituais, Silvio Santos e o Yom Kippur, sonhos e espiritismo, Transplante de medula ósses, Veja o Video Casa Hope. Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Leave a Comment »

Chiquinho Scarpa segue internado em UTI, sem previsão de alta

Ele teve complicações decorrentes de operação para reduzir estômago.

Empresário está internado em hospital de SP desde 20 de abril.

O empresário Chiquinho Scarpa, de 57 anos, continua internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Sírio-Libanês, no Centro de São Paulo, onde recebe tratamento médico desde 20 de abril. Ele teve complicações decorrentes de uma operação para reduzir o estômago. Segundo a assessoria de imprensa do hospital, não há previsão de alta.

A mãe do empresário, Patsy Scarpa, afirmou nesta quinta-feira (28) ao G1 que o filho apresenta melhora em seu estado de saúde. “Ele está bem, melhorando, a gente está com muita esperança”, disse. Ela contou que o empresário conversa com a família. Scarpa segue internado na UTI, segundo Patsy, porque ainda apresenta sinais de infecção.

Scarpa sofreu complicações após uma operação para reduzir o estômago, realizada em 15 de abril. O empresário teve uma infecção na região do abdome. Ele passou por três cirurgias após retornar ao hospital no dia 20 de abril.

Roberto Tullii, médico e amigo de Scarpa, disse no fim de abril que o empresário foi levado às pressas ao hospital porque bebeu em excesso, de uma só vez, suco de pêssego. Isso teria dilatado demais a região abdominal, recém-operada. “Ele estava com o abdome excessivamente dilatado, vomitava e tinha muita dor”, contou.

Globo

Rizzolo
: O Chiquinho sabe que o Brasil inteiro torce pela sua recuperação, tenho observado pelo número de acessos aos posts sobre a saúde do Chiquinho, que o povo brasileiro acompanha de perto sua recuperação. Vamos torcer todos por ele. Preces é que não faltam, de todos inclusive minhas e da Tatá (Claudia Bonfiglioli).

Governador de São Paulo sanciona lei antifumo

São Paulo – O governador de São Paulo, José Serra, sancionou hoje (7) a lei antifumo, que proíbe as pessoas de fumar em locais fechados, como escolas, museus., restaurantes, bares e empresas. De acordo com ele, cerca de 500 fiscais da Vigilância Sanitária e do Procon vão fiscalizar o cumprimento da lei a partir de agosto, quando ela entrará em vigor.

A nova lei prevê multa de R$ 792 para quem descumpri-la. “Se o dono [do estabelecimento] for muito teimoso e reincidir, ela pode chegar até R$ 3 milhões.”

Segundo Serra, os donos dos estabelecimentos poderão chamar a polícia para obrigar as pessoas a obedecer a lei.

Agência Brasil

Rizzolo: Do ponto de vista profilático a Lei é excelente, contudo sua implementação pode gerar muitas dúvidas e questões de ordem social. Não é possível nos dias de hoje, alguém se tornar um fumante passivo num local público e fechado. Ademais, como se trata se saúde pública, a Lei vem ao encontro às medidas de prevenção das doenças causadas pelo fumo. Apoio a idéia, vamos ver na prática como funciona.

Chinês morre de felicidade ao saber que despesas médicas estavam pagas

Sabe aqueles casos em que ficamos tão felizes, mas tão felizes, que soltamos um “quase morri de felicidade”? Pois é, um indigente chinês infelizmente passou do quase e morreu, literalmente, de êxtase ao saber que a comunidade local pagaria por suas despesas médicas, segundo o diário “Chongqing Evening News”.

O indigente, um idoso de sobrenome Zhu, vivia em Beipei, no município de Chongqing (sudoeste da China).

Ele morreu devido a uma crise de pressão arterial alta, depois de saber que receberia da comunidade o dinheiro que tinha gastado para o tratamento de várias doenças, já que na China o sistema de saúde não é gratuito.

O jornal local tratou o caso do indigente como um exemplo da falta de assistência médica universal e gratuita no gigante asiático. “Zhu nunca teria se excitado a ponto de morrer se tivesse protegido por um sistema de assistência social imparcial e sólido”, disse o diário.

“Esta triste história revela como muitos pobres têm de esperar por muito tempo para receber assistência médica”, conclui o jornal.

*Com informações da EFE

Rizzolo: Na realidade ele morreu pela emoção. Provavelmente a emoção, em saber da solidariedade, fez com que sua pressão arterial disparasse e ele veio a falecer. O problema da saúde pública é grave em todo mundo, porem o modelo europeu é o mais aconselhável e humano. Não podemos conceber um modelo de saúde pago num País pobre como o Brasil. Infelizmente aqui morre-se de tristeza, de abandono, por omissão do Estado.

No caso do cancêr, aqueles que podem pagar por um tratamento VIP, como a ministra Dilma Roussef, que vai tomar a medicação MabThera, que custa R$ 8.000,00 o frasco, tem maior probabilidade de cura, já os demais do SUS, ou as crianças da Casa Hope, tem menos chance de cura, porque o Estado não paga tal remédio, motivo: é caro. É isso ai.

Lula pede que não se faça “terrorismo” com gripe suína

Brasília, 28 abr (EFE).- O presidente Luiz Inácio Lula da Silva pediu hoje que todas as informações sobre a gripe suína sejam tratadas com “cautela” e exigiu que “não se faça terrorismo” com a doença, pois o país “está preparado” para enfrentá-la.

“Temos remédios para atender às pessoas e vamos fazer a fiscalização devida nos aeroportos”, declarou o presidente no Acre, para onde viajou hoje para se reunir com o presidente peruano, Alan García.

Segundo Lula, se trata de “um momento de cautela e prevenção, e não de fazer terrorismo”. Por isso, apelou à “responsabilidade” da imprensa, para que não se gere pânico no país.

Até agora, no Brasil o número de casos suspeitos está em 20 e foram localizados em Amazonas, Bahia, Minas Gerais, Pará, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte e Santa Catarina.

Essas 20 pessoas permanecem hospitalizadas e todas chegaram ao país nos últimos dias, procedentes de México ou Estados Unidos, com sintomas da doença.
folha online

Rizzolo: A grande questão é sabermos até que ponto a doença atingiu ou atinge o Brasil, e constatarmos a capacidade de atuação do governo no enfrentamento da doença. Como tudo no Brasil gera em torno de popularidade, e os números ainda são muito incipientes, estamos completamente na escuridão dos dados.

“A pior pandemia do século 20 aconteceu (…) em 1918 e também começou como uma pandemia relativamente branda que não chegou a ser muito notada na maioria dos lugares. Depois, ela se tornou uma pandemia bastante séria, um dos mais sérios episódios de doenças contagiosas já registrados”, como afirmou o Diretor-geral adjunto para segurança sanitária da OMS, Keiji Fukuda.

Bem melhor seria usarmos o termo cautela, em não afirmarmos que ” o Brasil está preparado”; até porque nem sequer sabemos quantos doentes existem; poderá haver pouco impacto ou muita infecção. É a marolinha desta feita agindo no campo da subjetividade, e atuando mais uma vez com força no fator popularidade. É o Brasil podendo incorrer numa triste ” marolinha suína “.

Publicado em últimas notícias, Brasil, comportamento, cotidiano, Direitos Humanos, economia, eleições 2010, geral, gripe suína no Brasil, medicina, melhores especialista médicos e melhores hospitais, melhores hospitais, mundo, News, notícias, O agronegócio, Política, Principal, Saúde. Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . 1 Comment »

OMS espera análise dos EUA de transmissão da gripe entre humanos

GENEBRA (Reuters) – A Organização Mundial da Saúde (OMS) informou nesta terça-feira que aguarda a confirmação oficial das autoridades norte-americanas de que o novo vírus da gripe suína se espalhou de maneira significativa entre pessoas, um sinal que pode indicar uma pandemia de gripe “iminente”.

A confirmação de que pessoas infectadas com o vírus em dois países estão transmitindo a nova doença a seus familiares ou contatos com frequência se enquadra nos critérios da OMS para declarar alerta de fase 5 em sua escala que vai de 1 a 6.

A agência das Nações Unidas elevou seu nível de alerta de pandemia da fase 3 para a fase 4 na segunda-feira, após o vírus se espalhar para a Europa.

O Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA (CDC) disse na segunda-feira que algumas pessoas que tiveram contato com pessoas em quem a gripe foi confirmada também estão apresentando sintomas semelhantes aos da gripe.

“Parece, e acho que ainda estamos aguardando uma confirmação final das autoridades dos EUA, mas parece que há vários casos em Nova York que parecem ser de transmissão de humanos para humanos”, disse em um briefing a jornalistas um porta-voz da OMS, Gregory Hartl.

Tal transmissão secundária do vírus é “provável”, disse ele a repórteres mais tarde, acrescentando: “Se tivermos uma confirmação dos Estados Unidos ou Canadá, poderemos passar para a fase 5.”

O comitê de emergência que recomendou a passagem para a fase 4 na tarde de segunda-feira — “um momento de virada”, segundo Hartl — não estava previsto para reunir-se na terça-feira. Mas seus especialistas podem ser convocados a qualquer momento para tomar decisões desse tipo.

Já houve casos em que pessoas contraíram gripe suína de porcos, mas a doença parou nelas. A gripe aviária ocasionalmente foi transmitida de uma pessoa para apenas mais uma pessoa, e então parou.

Mas a nova gripe H1N1 parece estar se disseminando além dessa cadeia limitada, e é isso o que preocupa a OMS.

DÚVIDA CENTRAL

Mais de 15 epidemiologistas da OMS foram enviados ao México para ajudar as autoridades desse país a combater os surtos do vírus na capital Cidade do México e duas outras áreas.

Até agora, segundo Hartl, 26 casos de gripe suína foram confirmados no México com exames laboratoriais. Sete dessas pessoas morreram.

“O que foi visto com essas pesquisas epidemiológicas é que provavelmente houve três ondas menores de transmissão de humanos para humanos e que agora há um crescimento dos casos suspeitos”, afirmou do México.

A OMS tem confirmação laboratorial oficial de um total de 79 casos do novo vírus da gripe suína em todo o mundo. Os casos confirmados incluem 40 nos Estados Unidos, 26 no México, seis no Canadá e um na Espanha.

O total oficial da OMS não inclui dois casos confirmados pelas autoridades britânicas, de um casal escocês que retornou de sua lua-de-mel em Cancún, no México, disse Hartl, nem casos anunciados pelas autoridades da Nova Zelândia e de Israel.

A OMS, sediada em Genebra, exige a notificação legal formal dos casos.

As autoridades mexicanas dizem que o novo vírus já matou 149 pessoas no México, mas ainda estão investigando.

Uma dúvida central é por que o México é o único país em que foram confirmadas mortes até agora, embora o índice de mortalidade venha sendo relativamente baixo em relação ao número de casos da doença. Em outros países os casos da doença têm sido brandos.

“Não entendemos por que a doença vem sendo mais grave no México”, disse Hartl.

“Será que ocorreu co-infecção? As pessoas podem estar infectadas com outras doenças, o que teria agravado a gripe. Talvez tenham imunossupressão. Talvez só tenham sido medicadas tarde demais, talvez a doença não tenha sido reconhecida.”

As autoridades de saúde também não sabem onde começou o vírus, que possui elementos de gripe aviária e gripe humana.

Até agora, todos os casos suspeitos e confirmados de gripe suína no surto atual envolveram a contaminação por outra pessoa, diferentemente dos casos de gripe aviária em humanos, que em sua maioria envolvem contato com aves infectadas.
folha online

Rizzolo: A situação é preocupante e os dados não confirmam uma melhora. A grande questão é a forma letal do vírus no México. Provavelmente, deve haver alguma relação com a predisposição do organismo, como falta de uma boa alimentação e o clima. É comum relacionar o início de uma epidemia com uma maior virulência, e depois de certo tempo, geralmente o vírus se torna mais brando. O Brasil na verdade, não está preparado para enfrentar esta doença, essa é a verdade que deveria ser dita pelas autoridades.

De qualquer forma o curso da doença evolui e a observação nos centros de diagnósticos continuam. Só uma observação que deveria ser avaliada: há muito se sabe que porcos são animais perigosos do ponto de vista da infectologia, não sou médico mas aprendi que porcos não são animais saudáveis para os humanos ingerir, e isto já está recomendado no Antigo Testamento ( Torá ).

E tudo nesta doença, começou nos porcos. Não gosto de dar conotação religiosa a uma eventual pandemia, mas vale a pena repensar o estilo de vida das pessoas que ingerem carne animal, não respitam o planeta, fazem da alimentação um ato de violência contra os animais, e não ainda não acreditam nas recomendações de um livro muito antigo e conhecido chamado Bíblia. É só ler.

Publicado em últimas notícias, Brasil, cotidiano, Deus e você, economia, espiritualidade, evangélicos, geral, gripe suína no Brasil, igrejas evangélicas, Judaismo, medicina, melhores especialista médicos e melhores hospitais, mundo, News, notícias, Política, Principal, RELIGIAO, Saúde. Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Leave a Comment »